navegar pelo menu
sexta-feira, 15 de dezembro de 2017

LET'S TALK ABOUT IT !

Hello everyone!!!!
Este post sai da alma. Peço desculpa por estar comprido mas há coisas que precisam de ser ditas.

Esta sou eu e este é o meu corpo, sem filtros sem photoshop e sem maquilhagem. E querem saber uma coisa EU SOU LINDA!
E sim, tenho uns quilos a mais, quando experimento umas calças elas podem não passar dos joelhos para cima, quando entro num provador a luz ilumina todos os pontos não tão positivos do meu corpo, quando adoro uma peça de roupa e vou procurar o meu número já só tem 10 peças de roupa e todas do tamanho XS. E sim isto tudo não é fácil, é horrível para mim que adoro moda querer me apresentar ao mundo de uma certa forma e não poder, isto porque a sociedade adotou uma ideia de beleza em que só quem é "perfeito" são as pessoas magras e mesmo estas sofrem porque depois a querida da sociedade decide chamá-las anorécticas ou "espeto".
Isto está tão errado!!! Há pessoas (gordas e magras) a morrer de distúrbios alimentares ou a entrar em depressão porque são julgadas a todas as horas sem descanso. E há que mudar isto urgentemente!


Aguentei a dor que a sociedade me causava de forma calada, mas hoje decidi optar por algo diferente e gritar tudo cá para fora. Já passei por dietas malucas, exercícios até à exaustão, pelo bullying, pelos olhares de cima abaixo e por muito mais.
E sabem a qual conclusão chego?
Que há muitas pessoas com falta de amor próprio, eu era uma dessas inclusive, mas graças às pessoas maravilhosas que tenho à minha volta consegui começar a construir algo dentro de mim que é mais forte do que isso tudo junto e chama-se AMOR PRÓPRIO e não há nada melhor que isso. Eu aprendi a amar-me por completo, cada detalhe, cada imperfeição, cada curva, cada estria, TUDO, e estou muito grata.

Aprendi que apesar de não caber num tamanho 32, eu sou saudável nunca tive nenhum problemas de saúde devido ao meu peso. E isso é o mais importante desde que continue saudável,  não irei privar-me de pequenos luxos, como aquele queque de chocolate da minha pastelaria preferida, ou daquele maravilhoso gelado italiano que como nas tardes quentes de Verão e ainda aquela massa com natas deliciosa que só eu sei fazer.

Para concluir, quero deixar claro que não tenho nada contra a quem é magro porque até como disse antes esses também sofrem e quero também destacar que nós temos de passar a gostar mais de nós próprios e começar a acabar com o ódio e com os bullies.

Quem já passou ou está a passar por isto? Partilhem as vossas histórias comigo.



Até ao próximo post,
Valéria Faria.

Snapchat-mmylifeasv

26 comentários:

  1. Essa é a atitude. Acho que todos nós já fomos criticados por características físicas que nada têm de errado, ou porque tem peso a mais ou a menos, ou porque o cabelo é de uma forma ou outra. Mesmo psicologicamente cada um é como é, mas chegam críticas à mesma: uma pessoa tímida tem que falar mais, uma extrovertida tem que se conter... enfim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida. Acho que a sociedade tem que começar a controlar mais os julgamentos que faz pois há seres humanos com sentimentos por detrás disso.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  2. Eu já fui gozada e criticada na altura da escola porque era muito magra, diziam que passava fome e muitas vezes as pessoas abordavam os meus pais a perguntar se eu comia...LOL
    atualmente não estou acima do peso, nem nada, mas tenho imensa celulite, estrias, mas sabes? gosto de mim, oo meu namorado gosta de mim. e isso basta <3
    BLOG | FACEBOOK | INSTAGRAM

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Passei pelo mesmo na escola, mas no meu caso por estar um pouco acima do peso...
      Atualmente estou mais acima do peso do que estava nessa altura e nunca me senti tão bem.
      E sim o que basta é as pessoas que gostarmos gostarem de nós.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  3. Adorei o post! Segui o teu blog, podes seguir o meu? :)

    www.aflormaria.blogspot.pt

    beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada! Eu já sigo o teu post há imenso tempo querida.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  4. A beleza é relativa. O bonito é mesmo sermons todos diferentes :)

    Beijinho*
    carolinarodi.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. A sociedade tem padrões muito parvos e desnecessários. Já não uso 38 desde os 7 anos. Já usei 40/42 e sentia-me muito bem e entretanto engordei e passei a usar 46/48. Levei algum tempo, tal como tu, a entender que não era eu que estava mal mas sim as pessoas que só sabiam julgar o meu físico invés de me conhecerem melhor e de entenderem o quanto valho enquanto pessoa. E entendi que não vale de nada perder peso para ganhar autoestima pois na maioria dos casos, as pessoas não ganham autoestima. Não adianta perder peso e continuar a olhar no espelho e não gostar daquilo que vemos. Por isso acredito que devemos nos amar, independentemente do peso ou do número das calças e devemos olhar no espelho e saber tudo aquilo que valemos e o quanto somos importantes. Beijinhos

    www.carolianfranco.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também acho o mesmo e concordo plenamente na parte em que dizes" não vale de nada perder peso para ganhar autoestima pois na maioria dos casos, as pessoas não ganham autoestima".
      Obrigado pelo teu feedback querida, é muito importante para mim.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  6. É esta a atitude certa minha querida. A partir do momento em que nos aceitamos tudo corre melhor, devemos gostar de nós, pois o amor próprio é mesmo muito importante. Às vezes também sinto que gostaria de ter menos dois ou três quilos, mas depois penso que sou assim e sou bonita do meu jeito. Se tudo fosse igual, não teria graça nenhuma.
    A sociedade ainda tem de evoluir muito e deixar estes pensamentos depreciativos de lado, somos todos diferentes e especiais e o mundo é de todos.
    Aceita-te sempre, esta foto está maravilhosa :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada minha linda :)

      Pois também acho que a socieddade tem que evouluir muito ainda. Espero um dia que cheguemos lá.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  7. A atitude que tens é a mais correta!
    Beijinhos, https://damselme.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada querida. Devíamos todos ter estas atitudes.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  8. Durante muito tempo ficava constantemente frustrada por ter um corpo com mais formas, especialmente por ser blogger. Sentia-me ridícula a tentar recriar looks que só ficavam bem em mulheres magríssimas. Enfim, a aceitação é o mais importante. Obrigada por este texto e mantém essa tua atitude! <3

    THE PINK ELEPHANT SHOE // Ganha um Black Opium da Yves Saint Laurent!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já passei por essa fase mas como gosto mesmo muito de partilhar os meus looks superei esse meu medo ...
      Muito obrigado pelo teu feedback.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  9. Adorei a forma como descreves o teu ponto de vista tão aberta e livremente!
    Já tive (e continuo a ter) alguns problemas derivados deste assunto. Já estive numa situação mais complicada do que a que estou agora e diariamente é uma luta para tentar pensar da mesma forma que tu! É difícil, e com a ajuda de pessoas que me querem bem, percebi que só me estava a fazer mal a mim mesma! A ajuda da minha psicóloga tem sido muito importante, especialmente quando me vou mais abaixo e penso em passar por tudo outra vez só para «agradar» ao mundo! Tenho de pensar mais em mim, na minha saúde e bem-estar! Somos muito mais do que isto! Somos lindas!

    R.: Muito obrigada, linda :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada pelo o elogio querida :)
      Espero que consigas alcançar a fase em que te aceitas como és, lembra-te que não és tu ou eu que estamos mal é o pensamento dos outros que tem que mudar.
      Nós somos lindas como somos, muita força para esta fase da tua vida.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  10. Todos os produtos daquela marca são naturais e valem imenso a pena :)

    Já passei pelos dois extremos, e aprendi com isso que não há nada melhor do que estarmos bem connosco próprios, com o nosso corpo. O melhor mesmo é aprendermos a viver bem e a aproveitar a vida, independentemente de tudo :)

    NEW WISHLIST POST | DEAR SANTA, THIS YEAR I WAS A GOOD BOY :D
    InstagramFacebook Official PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bem dito, estou a 100% de acordo, temos que nos amar independentemente de tudo.
      Beijinhos :)

      Eliminar
  11. Gostei bastante da tua atitude temos de nós aceitar como somos. eu oiço comentários contrários por ser magra de mais e não conseguir engordar
    http://retromaggie.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada querida.
      Espero que tenhas força para não ouvir esses comentários que não te acrecenta em nada.
      Beijinhos e sê feliz como és e não te preocupes com os outros.

      Eliminar
  12. As pessoas têm que aprender que cada pessoa é uma pessoa e logo são diferentes. Altos, baixos, magros ou gordos, tudo depende se a pessoa se sente bem consigo própria, ou o que pode fazer para se sentir bem. Em momento algum, os outros têm que julgar ou apontar dedos.

    http://mundodablue.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Concordo plenamente contigo, mas vai ser preciso muito desenvolvimento social para isso acontecer.
    beijinhos :)

    ResponderEliminar

Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial
google-site-verification: google03179d952ace5e3b.html